sexta-feira, 5 de fevereiro de 2016

Amo cada dia

Como se fosse ontem, 
ainda sinto o teu odor por perto, 
sinto a tua presença tão forte. 
A lágrima que corre é de saudade, 
saudade dos dias bonitos que vivemos, 
do amor que fizemos, do ar que respirámos juntos 
e tantos dias foram, que não sei contá-los.

Ainda sinto o teu amor em mim, descendo a rua deserta. 
Aquilo que sou, nada me diz do que sinto no peito e sufoco! 
Amar o que não tivemos, lembrar o que poderíamos ter tido. 
O olhar é o espelho do sentir. 
Quase que adormeço no embalar dos teus braços. 
Doce deslizar das tuas bonitas mãos em mim. 
 
HHoje 

18 comentários:

  1. Há mãos que nos deixam marcas no corpo e na alma.

    Beijos, Helena :)

    ResponderEliminar
  2. É verdade, marcas indeléveis.
    Beijos Maria.:))

    ResponderEliminar
  3. Belas as tuas palavras, no ponto, perdoa-me se fiquei pendurado naquele último botão da blusa...

    ResponderEliminar
  4. "Há pessoas que nos falam e nem as escutamos, há pessoas que nos ferem e nem cicatrizes deixam mas há pessoas que simplesmente aparecem em nossas vidas e nos marcam para sempre." Cecília Meireles

    Beijinho e bom fim-de-semana!

    ResponderEliminar
  5. E quando se arrisca as palavras ficam leves, tão leves SD :)
    Lindo
    Um beijo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A medo mas vão ficando sim!
      Obrigado Impy, beijinho.))

      Eliminar
  6. Oh que lindo, Semblante! :)

    Temos na nossa pele a história de um amor. :)

    Deixo-te um beijo. :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Temos sim, a nossa história na pele!
      Obrigado Castiel
      beijinho e bom fim de semana:))

      Eliminar
  7. Adorei sentir-te leve e Feliz :)
    Os momentos e as experiências de vida que tivemos, mesmo no amor e no desamor, são nossas. Não há ninguém que as tire ou as roube de nós. E, não há nada mais belo que reconhecermos que temos uma vida plena no presente, com direito a um bom futuro, até porque temos a capacidade de filtra o trigo do joio do passado de braços abertos e a sorrir.
    Maravilhoso minha querida SD:)
    Beijo grande.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Gostaste Sandra, escrevi tão a medo, uma tentativa de escrever mais à flor da pele. Vou tentar aventurar-me!
      Na pele reside a nossa história.
      Beijinho Sandra:))

      Eliminar
  8. Há toques que não passam, sensações que não se esquecem. Bonito SD. Beijinho

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ficam sempre, o mapa da nossa vida na pele.
      Obrigado e ainda bem que gostaste.
      Beijinho GM e bom fim de semana.:))

      Eliminar